Assim como a música, creio que essa seja uma lição que eu ainda vou reprovar muitas vezes.

Mesmo que seja a coisa mais natural do mundo, por que é tão difícil aceitar a despedida?

Lembranças que flutuam no mar de gente que se encontra para te ver pela última vez.

Lágrimas que estão todo o tempo nos meus olhos.

Eu me esforço para ser forte. Para apoiar quem precisa. Mas o que fazer se nem eu sei lidar com isso?

Queria te dizer que te amo só mais uma vez. Pedir para que fique bem sempre. (Já que essas foram as minhas últimas palavras para você, não é?)

Sua história centenária está guardada no coração da família. A receita natalina também já está garantida para as próximas gerações.

E seu rosto está gravado na memória e em mim (todo mundo fala que eu sou a sua cara, certo?)

Agora é o momento de descansar. Você lutou com todas as forças. Pode deixar que a gente vai seguir na batalha com você de olho em nós.

Obrigada e te amo. E até que nos encontremos novamente, adeus.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.