A Tempestade #Resenha

Título/Autor: A tempestade, William Shakespeare.

Foto: Site L&PM

Avaliação: Já é a segunda vez que me preocupo com a água nas histórias desse clássico autor. xD

Olá, pessoas!

Chegando mais um clássico que eu pude aproveitar o áudiolivro enquanto realizava outras atividades #multitarefa!

Percebi que esse tipo de livro, os que têm formato de peças, são bem legais para se ouvir (ainda que eu goste muito de ler nesse tipo de estrutura)

A tempestade narra a história de Próspero, um ex-duque que foi enviado ao mar com sua filhinha após o seu irmão armar um golpe para tirá-lo do poder. O plano era que ele simplesmente não sobrevivesse, mas, não deu certo. O homem e sua filha terminaram isolados em uma ilha por 12 anos!

Sobre essa ilha, eu só conseguia ler e pensar em Lost. Sabem o que mais e encontrado nessa trama? Magia! Sim, a história é cheia de elementos mágicos!

Próspero, nos seus tempos de Duque, preferia a companhia dos livros às burocracias políticas, dessa maneira, leu tudo o que existia na Biblioteca de seu castelo, incluindo livros sobre todos os elementos. Inclusive, ele tem poderes. É um mago! Quando é traído por seu irmão, ele vai parar numa ilha na qual acaba libertando um espírito aprisionado com poderes de gênio, Ariel, e Caliban, um homem disforme.

Doze anos após a sua chegada à ilha, surge uma oportunidade única. Seus inimigos (o irmão, Antonio e Alonso, Rei de Nápoles), estão no mar, retornando de um casamento. Próspero cria, junto de Ariel, um naufrágio para que possa trazê-los à ilha e se vingar.

Durante a trama, vemos a interação de Miranda, já com 15 anos e o filho do Rei de Nápoles, uma união inesperada de tripulantes com Caliban, que quer tirar Próspero do poder (ele comanda a ilha e o homem é seu servo), além disso, as tentativas de Alonso, Antonio e Gonçalo de sobreviverem às intempéries do lugar.

Tudo isso se passa no curso de poucas horas, tantas acontecimentos em uma história que tem como raiz a vingança que Próspero tanto deseja, mas se mistura com uma narrativa de primeiro amor, elementos fantásticos e, principalmente, perdão.

Sem dar mais spoleirs por hoje, gente! xD

Quem aí já leu? Contem o que acharam nos comentários!

O Mercador de Veneza #Resenha

Título/Autor: O Mercador de Veneza, William Shakespeare.

Avaliação: Pensando em NUNCA pedir dinheiro emprestado! xD

Olá pessoas!

Hoje vamos de clássico! Uma resenha de um livro que eu “ouvi” essa semana! Aliás, percebi que, para fazer atividades cotidianas, audiobooks são muito legais!

Acredito que essa seja uma versão adaptada da história, mesmo sendo quase 3 horas de narração, mas valeu cada minuto! E pude aproveitar uma história super famosa, com alguns momentos super tensos, enquanto fazia minhas atividades.

Para quem quiser ler, é um livro cm poucas páginas e escrito em forma de peça de teatro. Eu, particularmente, curto esse tipo de formato.

E uma coisa muito legal sobre audiolivros: já existem muitas histórias disponíveis com narração profissionais, inclusive, com produção e atores para os personagens diferentes. Esse em questão tinha transições, vozes para cada personagem, som ambiente. Foi uma experiência super legal!

Mas, agora, vamos ao que interessa. A história tem algumas ramificações de trajetória. A principal envolve o mercador Antonio que, para ajudar o seu amigo Bassanio a cortejar a mulher pela qual está completamente apaixonado, aceita emprestar dinheiro do judeu Shylock. O agiota, no entanto, odeio Antonio e como condição para liberar a quantia, exige que, se não for pago o valor, o mercado pagará com um pedaço de sua própria carne a ser cortado.

Admito, essa parte aí é uma das coisas mais “argh” dessa história.

Antonio aceita a condição absurda para que o seu amigo possa realizar seu desejo. E, com os ducados em mãos, vai até o reino de sua amada Portia. Para conseguir a mão da princesa, seus pretendentes precisam passar por uma prova que seu falecido pai deixo: selecionar um dos baús (de ouro, prata e chumbo). No correto havia uma foto de Portia e isso indicaria que o rapaz estava apto a se casar com a moça.

Além disso, em outro linha narrativa, estão Lorenzo e Jéssica. Os dois apaixonados não podem ficar juntos porque ele é cristão e ela judia (filha de Shylock, inclusive).

O livro é uma história de amor, de amizade e de rancor.

Admito que, entre os livros que já li do autor, não é a minha história favorita, mas foi bem interessante seguir a trajetória desses personagens, seus altos e baixos, seus momentos românticos e o final cheio de suspense sobre o resultado da “questão principal”.

Alguém aí já leu? Deixa nos comentários o que achou.

Espero que tenham gostado. Até a próxima! =]

Quem já leu, conta o que achou nos comentários.

Meu reino por um cavalo #ResenhaDeQuinta

P_20200604_173759.jpg

Título/Autor(a)/Editora: Edição, Organização: Ivan Pinheiro Machado/ L&PM Editores.
Avaliação: Destacando todas as citações.

Olá, pessoas!

A resenha de hoje é de um livro que também entra naquela categoria dos poucos convencionais. Do que não trazem em suas páginas uma história com começo, meio e fim, mas diversos trechos repletos de significados em poucas linhas, falando mais do que se fossem centenas de páginas escritas.

Essa obra, organizada por Ivan Pinheiro Machado, é composta por citações de grandes autores mundiais como WIlliam Shakepeare, Millôr Fernandes, Jane Austen. Além disso, traz provérbios mundiais, frases célebres de pensadores, estudiosos, provérbios populares. Palavras que, reunidas, se tornaram imortais saídas da boca de figuras reais ou da ficção.

Entre as temáticas abordadas estão amor, vida, liberdade, a arte de escrever. São tantas frases para levar no dia a dia, inspirar, fazer rir ou chorar. São tantos sentimentos e emoções encontrados em curtas sentenças.

Eu adoro esse tipo de livro porque, particularmente, sou apaixonada por citações. Saber que a parte de um texto pode marcar alguém e levar tanto significado para as pessoas me parece algo genial. A escrita gera esse sentimento em mim, a forma como ela toca o coração dos humanos que levam consigo pequenos trechos de grandes obras para sempre. (Também é impressionante ver que grandes discursos emocionantes, ditos populares, etc, deixam marcas – boas- nas pessoas!)

Podem colocar essa leitura naquela lista de “terminar em um dia”, para os ansiosos que querem chegar logo ao final e conhecer todas as citações contidas na obra. Ou, pode ser curtido vagarosamente, uma página por vez, na sequencia ou de forma aleatória. Uma frase surpresa ara acompanhar o dia!

De qualquer modo, é o tipo de publicação que pode ser lida de um jeito ágil e fluído. (E, não menos importante, tem páginas com ilustrações MARAVILHOSAS!)

Indico para quem tá precisando de algo diferente.

E aí, alguém já leu? Alguém curte citações também?

Até a próxima!

 

 

Segundas Musicais #40 – Leonardo DiCaprio <3

Tô de vooolta, gente!! Desculpa o sumiço. Eu faço isso, mas
sempre volto pq eu adoro esse Tumblr! Tentarei não ficar “em manutenção tão
cedo”.

E como não homenagear o nosso querido Leonardo DiCaprio na
playlist de hoje? Depois de muitos anos esquentando o banco, o ator finalmente conseguiu
o seu Oscar!!

E por isso nossa lista só tem músicas que foram trilhas
sonoras dos filmes dele!! As músicas são um pouco lentas para combinar com a
segunda cinzenta. (Adoro essa garoa #LondonFeelings hahahahaha)

#SomNaCaixaaaa

01 – Lana Del Rey – Young and Beautiful

Provavelmente essa música já apareceu por aqui. Eu a ADORO!
Vinda diretamente da trilha sonora de “O grande Gatsby”, uma adaptação do livro
de mesmo nome de F. Scott Fitzgerald

02. Quindon Tarver – Everybody’s free

Antes de fazer parte da campanha “Use protetor solar”, essa
música foi parte da trilha sonora da adaptação moderninha de “Romeu e Julieta”
do famosíssimo William Shakespeare

03. Frank Sinatra – Come Fly with Me

Um clássico de um dos cantores mais conceituados. Combina com
um filme muito popular e bem feito do Léo. A canção faz parte da trilha sonora
de “Prenda-me se for capaz”, obra de Frank Abagnale e Stan Redding

04 –  Des’ree – I’m
Kissing You

Por último, mais uma música que esteve na trilha sonora de
Romeu + Julieta! ❤

E por hoje é só, perdemos um meme, mas ganhamos outros
79207022. Parabéns, Léo! Você mereceu!

Boa semana, humanos! Até mais!! =]