365 Dias Extraordinários #ResenhaDeQuinta

IMG-20200521-WA0093.jpg

Título/Autor(a)/Editora: 365 dias extraordinários : o livro de preceitos do Sr.Browne, R.J. Palacio
Avaliação: Guardando cada preceito no coração, como um abraço amoroso.

Olá, gente!

Espero que todos estejam bem.

Essa é mais uma daquelas resenhas um pouco diferentes já que não se trata de um livro de história propriamente dito. É um complemento, na realidade, de uma obra maravilhosa da R.J Palacio: Extraordinário (e que tem resenha aqui).

Para explicar de onde veio o livro, temos que entender que na obra que deu origem a esse aqui. O pequeno Auggie, quando começa estudar em uma escola tradicional após só ficar estudando em casa, vai parar na aula do Sr. Browne, um ótimo professor que logo em seu primeiro dia de  aula, coloca na lousa um preceito e ensina as crianças sobre essas máximas inspiradoras.

Dessa aula do professor Browne surgiu o 365  dias extraordinários que contém em suas páginas (separadas por cada um dos dias do calendários), frases geniais para animar e motivar as pessoas!

Tem provérbio chinês, trechos de discursos importantes, falas de grandes pensadores, filósofos, celebridades, letras de música e os preceitos dos personagens do livro original.

Você pode ler em ordem ou escolher um dia aleatório. Começar pelo seu aniversário ou de entes queridos. Não importa. O que vale é ter essa companhia durante todos os dias do ano (e reler sempre que precisar de uma dose extra de ânimo).

Para tempos de isolamento, alguns dias solitários e a necessidade de estarmos rodeados de pensamentos positivos para que possamos enfrentar de cabeça erguida esse momento difícil, um livro assim é o ideal.

Sinta-se inspirado pelas lindas páginas desse livro e aproveite cada uma delas para melhorar o seu dia. Tenho certeza que algumas causarão um quentinho do coração e farão com que seu rosto ganhe um sorriso largo.

Espero que gostem da resenha de hoje.

Quem já leu esse livro? Ou Extraordinário? Contem o que acharam.

Até a próxima! =]

Auggie & Eu #ResenhaDeQuinta

Título/Autor/Editora: Auggie & Eu, R.J Palacio/
Instrínseca

Avaliação: Pensando nas mudanças que Auggie causou na minha
vida.

Geeente, esse foi um dos melhores presentes de Natal que
alguém poderia ganhar!! Que livro fofinho!!! Depois de ler Extraordinário (e
ganhar o livro de preceitos), “Auggie & Eu” chegou para completar a família
da melhor forma possível!

Tal como “Extraordinário”, a escrita é apaixonante, os
personagens são críveis, falhos e com potencial para mudanças e grandes ações,
tal como todos nós humanos!

Esse é o tipo de leitura que transforma a gente, a dona R.J.
Palacio é pró em testar as nossas emoções, em nós pressionar a ver o mundo fora
da nossa caixinha e abraçar o desconhecido com coragem!

O livro, como é explicado no começo, não se trata de uma
sequência de Extraordinário, segundo a autora, não haverá sequência NUNCA. Ele
é uma compilação de histórias que se passam basicamente ao mesmo tempo que o
outro livro.

Falando um pouco, mas sem muitos spoilers porque são
histórias mais curtinhas, o livro contém 3 textos. O capítulo do Julian, Plutão
e Shingling.

O Capítulo de Julian começa logo que ele é chamado para o
comitê de Boas Vindas de Auggie, mostra, através do ponto de vista dele, como
foi o desenvolvimento da “raiva” que ele sente por Auggie ter mudado a sua
turma e seu status no colégio. De
popular, ele passa a ser o autor de bullying e excluído.

Vemos um pouco de sua família, a mãe que faz de tudo para
defende-lo, não importa se ele está certo ou não, seu pai e, principalmente,
uma personagem especial: sua avó! A presença dela é o diferencial nessa
história.

Plutão é a história de Christopher, o melhor amigo de
Auggie, tecnicamente. Eles têm a mesma idade, são amigos desde o nascimento,
suas mães são melhores amigas, mas eles, com o tempo e a mudança de casa de
Plutão, acabam se afastando.

Esse “conto”, mostra, através dos olhos de Plutão, como é
ser amigo de Auggie, além de dar a oportunidade de conhecermos a família dele.
Essa narrativa sai um pouco do eixo-Breecher Prep-Auggie que a gente vê nos
outros dois.

Por fim, Shingling é a história de Charlotte, a garota que
fez parte do comitê de boas vindas de Auggie, mas que, no fim, não teve tanta
participação na vida escolar do garoto.

Através da narrativa dela, vemos a separação do colégio e a
estrutura ingrata a partir da visão de alguém que se preocupa muito com o que
os outros pensam e só quer fazer parte do grupo importante.

Charlotte é uma ótima aluna e a história dela conta,
principalmente sobre a sua interação com novas pessoas, com quem ela nunca
pensou conversar, a forma com que pessoas de grupos distintos podem se cruzar e
se dar bem. Não é definitivo, mas é um passo para a mudança.

O livro é genial, cheio de capítulos interessantes que nos
mostram como cada um desses personagens foram afetados pela presença de Auggie
em suas vidas.

É lindinho, gente!! Leiam porque quero saber o que acharam
do livro! <3. Até a próxima!

Top 3 #Melhores2015

Nada como o fim do ano para a gente começar a pensar em tudo
aquilo que lemos durante o ano. Muitos livros apareceram nas listas desses
últimos meses, portanto, vou tentar colocar nesse top aqueles que eu ADOREI,
mas não tiveram a oportunidade de aparecer aqui.

Particularmente, em 2015, eu tive a oportunidade de ler
muito mais do que em outros anos, eu me desafiei no quesito leitura e acho que
consegui provar um ponto: sempre há um tempo para leitura recreativa, humanos!!
Sejam alguns minutos do horário de janta/almoço na firma, aquela viagem no
transporte público ou no carro, um passeio ao parque, antes de dormir ou após
acordar.

Algumas páginas por dia e muitas histórias por ano, acho que
isso vale a pena para tornar a vida mais divertida! ❤

Então, vamos para a listinhaaa, geeente!

01. Auggie & Eu – R.J. Palacio

Essas três histórias que não são uma continução, mas um
complemento de Extraordinário, são GENIAIS! Tem o Capítulo do Julian, no qual
entendemos um pouco mais sobre o menino que foi tão malvado com o Auggie, a
história de Chris (Plutão), o colega de infância do nosso extraordinário
protagonista que mostra um pouco sobre como crescer sendo amigo de Auggie, além
da história de Charlotte, que não tem tanto a ver com a convivência, mas a
influência de Auggie na vida das crianças de Beecher Prep.

02. Amy & Matthew
– Cammie Mcgovern

Essa é umas das histórias mais lindinhas que eu já li.
Ponto. Amy, que possui paralisia cerebral e isso faz com que necessite de
acompanhamento constante, graças a isso, ela consegue, em seu último ano do
colégio, convencer a sua mãe a fazer um grupo de “cuidadores” contendo seus
colegas de turma e, dessa forma, ela e Matthew começam a se conhecer! Tão
genial a forma como a amizade muda cada um deles! ❤

03. Manual prático de bons modos em livrarias, – Lilian Dorea

Cara, que livro divertido!! É uma compilação de situações,
no mínimo, inusitadas, com as quais os livreiros precisam lidar. Desde pessoas
pedindo livros de autores errados, coisas místicas e informações estranhas, sempre
tem algo que a gente já fez ou viu alguém fazendo. Risadas garantidas com esse
livro!! ^^

Esse foi o último Top 3 de 2015, mas logo menos estaremos
com um ano novinho em folha e muitas listas virão!!!

Extraordinário #ResenhaDeQuinta

Título/Autor/Editora: Extraordinário, R.J. Palacio/
Intrínseca

Avaliação: Tentando colocar mais “extra” nessa minha vida
que não sai do nível ordinário!

Definitivamente esse livro não poderia ter um nome mais
condizente com o seu conteúdo!! Desde a primeira página você já é “sugada” para
o universo do Auggie e não quer sair de lá NUNCA MAIS!

Infelizmente, o mundo real existe e a gente precisa voltar
eventualmente à vida. Mas só depois de muitos suspiros e lágrimas derramadas ao
longo das páginas!

A história conta a trajetória do fofíssimo August Pullman, o
Auggie! Ele tem 10 anos e nasceu com uma síndrome que causou deformidade facial,
mas para todo o resto ele é como qualquer criança de sua idade. Super
inteligente, fã de Star Wars e com um caráter invejável!

Ao longo da narrativa nós seguimos o Auggie em seu quinto
ano no colégio. Ele sempre estudou em casa e esse é o primeiro ano em que ele
estará junto com uma turma de crianças. E como todos sabem, as crianças são
difíceis às vezes (Julian, tô falando de você, cara!).

O livro se passa com diversos pontos de vista (coisa que eu
adoro). Temos o Auggie, seus parentes e colegas da escola. É impressionante ver
a vida desse garotinho que precisa provar para todos que a única diferença
entre ele e os outros é o seu rosto e, por dentro, ele é um ser iluminado e
genial como todo mundo tem potencial para ser!

Quando eu comprei, depois de ouvir falar muito bem do livro,
terminei de ler de uma só vez! Logo que cheguei em casa, não foi possível
desgrudar os olhos dessa maravilha literária!

A forma como os personagens interagem, os preceitos (!!!) e a
jornada de Auggie são muito bem narrados, é um livro emocionante que, com
certeza, cativa qualquer pessoa em um raio de 9380023727023 km.

Aproveitem essa época de Natal, é um ótimo presente para
QUALQUER pessoa porque todo mundo vai se apaixonar por esse garotinho!!

Fico por aqui hoje, até a próxima semana, humanos! Sejam
gentis! =]