Deixe a Neve Cair #Resenha

Título/Autor(a)/Editora: Deixe a Neve Cair. John Green, Lauren Myracle e Maureen Johnson. Rocco.

Avaliação: Torcendo pra ver neve, mas sem nevasca forte, um dia.

Olá, pessoas!

Bora colocar o clima natalino lá no alto com esse livro super fofinho que já até ganhou uma adaptação na Netflix! (Que não tá 100%, mas o que vale é a intenção… será? HAHAHAHA)

Entrando na trama, são três histórias diferentes, mas que acabam se intercalando já que são parte de um universo compartilhado. Tipo a Marvel natalina. (Tá, é só a mesma cidade, mas poderia ser o MCU. xD)

Todas as narrativas são influenciadas por uma nevasca prevista para atingir a cidade.

No livro, temos a história de Jubileu, uma garota que está no trem em direção à casa de sua avó para passar o Natal com ela. Seus pais foram presos por causa de um mal entendido e ela, então, vai para a cidade da avó. Maaas, por causa da neve, o trem para em Gracetown.

Como precisa aguardar, ela vai para a Waffle House e lá acaba conhecendo Stuart e os dois começam a socializar. O problema é que Jubileu tem namorado.

O outro conto narra a história de um trio de amigos. Uma garota e dois garotos adicionando uma friendzone. Eles ouvem sobre o trem e vão para o local já que existem rumores de um time de cheeleaders que estão viajando nele. Duke, a garota grupo, não está animada com a atividade. Enquanto isso, JP e Tobin estão ansiosos por isso.

Por fim, há a história de Addie, uma garota que está tentando superar o fim do seu relacionamento e tentando mostrar que não é egoísta.

Escrito por um time de grandes nomes, conta com personagens fofos, uma história cativante e a interligação entre elas é super interessante.

Uma leitura gostosa, fácil e ágil. Excelente pra dar um quentinho no coração.

Alguém já leu? Conta o que achou nos comentários?

Até a próxima!

Eu sei que ninguém é perfeito, que por trás de toda fachada de perfeição há uma confusão distorcida de subterfúgios e arrependimentos secretos.

Deixe a neve cair, Maureen Johnson, John Green e Lauren Myracle..

Top 3 – Livros com vários autores

Mesmo adorando os livros com um único autor, coletâneas e
livros com colaborações são muito legais porque dão pontos de vista diferente
ou dão aquela sensação de que estamos lendo algo diferente sem precisar trocar
de livro!

Esses livros podem ser uma junção de contas com uma só temática,
uma história completa contada através de personagens diferentes ou histórias
que se entrelaçam no melhor estilo #SimplesmenteAmor. Existem ainda milhões de
maneiras de fazer crossovers de autores, porque o mundo da literatura é mágico.

De qualquer forma, bora pra lista de hoje!

1.  Deixe a Neve Cair –
John Green, Lauren Myracle e Maureen Johnson.

Esse livro é uma das coisas mais fofas que eu já li! Eu sei
que deveria ter lindo no final do ano, mas eu acabei começando sem saber que se
tratava de uma história que se passa na época natalina! (Sempre faço isso).

Cada autor conta a sua história, mas elas acabam se interligando,
personagens se encontrando na mesma cidade graças a motivos distintos, casais
mega fofos e situações inusitadas!

Depois de ler esse livro, fiquei com vontade de comer batata
rostie (que acabei, tristemente, descobrindo que não curto) e tomar um café da
Starbucks.

2. Will & Will – John Green e David Levithan

Essa história de dois personagens com o mesmo nome, isso já
parece uma premissa para altas confusões de uma galera do barulho!

A história é contada pelo ponto de vista dos dois
personagens com o mesmo nome Will Grayson. Os dois se encontram graças a um
show ao qual um dos Wills comparece e é próximo a uma loja na qual o outro Will
vai para encontrar o rapaz com o qual ele tem um relacionamento online.

O ponto a mais vai para o personagem que não compartilha
desse nome, Tiny Cooper, um rapaz gordinho e talentoso que serve como elo para
os dois Wills.

3. O presente do meu grande amor

Essa coletânea de histórias ambientada na época de Natal (e que
eu tô lendo em tempo #sqn) é formada por uma compilação de contos de autores
geniais, organizados pela genial Stephanie Perkins! Eu admito que só li um
conto e meio até agora, mas o primeiro foi da Rainbow Rowell e foi tão lindinha
que eu ainda tô com ressaca pós leitura.

Sério, só por esse primeiro conto eu já considero o livro
pacas, mesmo conhecendo pouco. #OrkutFeelings.

Acabou a lista de hoje, humanos! Até a próxima!