Segundas Musicais #74

SegundasMusicais

Boa noite, gente!

Não poderia perder mais essa magnífica oportunidade, em plena segunda-feira chuvosa, de fazer uma playlist temática!

Inspirada por aquele belo meme do “aguardando Setembro acabar para acordar o Billie Joe”, que tal uma lista repleta de clássicos do Green Day?

Bora curtir enquanto o Billie descansa. (Só não podemos esquecer de acordá-lo, hein?)

#SomNaCaixa

01. Wake Me Up When September Ends

 

02. Basket Case

 

03. Holiday

 

04. Good Riddance (Time Of Your Life)

Espero que curtam bastante a playlist!

Boa semana, humanos! =]

Segundas musicais #3

Alô, humanos! Mais uma segunda-feira (quase terminada, mas
que ainda está com suas forças místicas de cansaço atuando em minha pessoa após
um dia longo de trabalho!) e temos aqui outra playlist para acalentar esses
coraçõezinhos durante os próximos dias!

Seguindo as indicações musicais, existe aqui mais uma
listinha para deixar rolando no repeat (será que é assim que funciona a
tecnologia, já não tenho mais idade para saber dessas coisas modernas.
HAHAHAHAHAHA).

De qualquer forma, para os amantes de literatura que adoram
esse crossover dos seus personagens e autores influenciando as bandas
favoritas, seguem 5 músicas para se divertirem!

#SoltaOSomMacaco #CRUJFeelings.

01. “Time To Dance” – Panic!At The Disco é uma música que
tem como “muso inspirador” o Monstros Invisíveis de Chuck Palahniuk.

02. Baobabs- Regina Spektor

Essa música de uma artista eu particularmente gosto
bastante, tem referências ao livro Pequeno Príncipe de Antoine de
Saint-Exupery.

03. “Breathe” –  U2

Essa música do U2 é inspirada no clássico
“Ulisses” do, também irlandês, James Joyce.

04. Green Day – Who Wrote Holden Caulfield?

A música “Who Wrote Holden Caulfield” tem inspiração no
livro “O Apanhador no Campo de Centeio” de J. D. Salinger

05. Howl – Florence + The Machine.

Segundo entrevistas, essa música foi criada com base em histórias
góticas de horror que a vocalista da banda, Florence Welch leu quando criança.
Isso aí é que é leitura infantil. #SQN.