Notas da Audiovizueira n°40

Oie, gente!
Estava aqui, olhando para a minha estante e pensando em mais livros que já tiveram a sua transformação de lagarta literária para borboleta audiovisual. Bora pra algumas?


01. Naomi & Ely e a Lista do Não Beijo

Dois melhores amigos, para manter a amizade, criam uma lista de pessoas com quem eles não podem ficar. Isso tudo muda quando alguém trai esse acordo.

Autores: David Levithan e Rachel Cohn


02. Me chame pelo seu nome

Conta a história do jovem Elio em um verão transformador quando um estudante de doutorado, Oliver, passa a temporada em sua casa de férias.

Autor: André Aciman


03. Trabalhar no paraíso pode ser um inferno

Como se fosse uma empresa normal, o Paraíso conta com funcionários que desempenham cargos específicos. No entanto, quando o curso das coisas está indo para um caminho ruim, dois anjos precisam realizar um milagre para salvar a Terra.


Autor: Simon Rich

04. O Código Da Vinci

Mais uma aventura de Robert Langdon, dessa vez, o professor entra em uma empreitada que começa com um assassinato no Louvre e uma série de pistas conectadas às obras de Da Vinci.

Autor: Dan Brown

Espero que curtam!

Até a próxima!

Anjos e Demônios #Resenha

Título/Autor/Editora: Anjos e Demônios, Dan Brown. Arqueiro.

Avaliação: Eita atrás de vixe.

Olá, gente!

Hoje a resenha é de um livro que faz parte da minha lista da maratona literária de verão. #MLV2021.

Já tinha lido o Código da Vinci, inclusive, uma versão linda e ilustrada. Mal sabia eu na época que não era a ordem certa (o primeiro é Anjos e Demônios. Uma fadinha de leitura teve um treco em algum lugar).

De qualquer forma, assim como na outra experiência, eu percebi que alguns tipos de livro me geram sonhos esquisitos. Se tem perseguição, igrejas antigas e mistérios, eu vou ficar com aflição até terminar a história. #Impressionável.

E essa é uma trama tensa e cheia de viradas. Sem dar muito spoiler, bora compartilhar do que se trata a obra!

Robert Langdon é um professor de Simbologia em Harvard que recebe uma chamada esquisita. Alguém quer usar seus atributos para decifrar um símbolo.

O problema é que o item específico está marcado a fogo no peito de um pesquisador famoso da CERN.

Ao chegar na Suíça, ele descobre a relação entre o símbolo e uma sociedade secreta, aparentemente, ressurgiu para seguir com um plano de vingança contra a Igreja.

E não poderia ser um momento mais propício, logo haverá um conclave para escolher o novo Papa!

No meio dessa confusão, Robert acaba se juntando à Vittoria Vetra, filha do cientista morto, para tentar encontrar o assassino do pai dela, além de resolver o mistério relacionado ao grupo que está atacando a Igreja.

Em algumas horas, eles passam pela Suíça, vão para Roma e rodam pelo Vaticano atrás de pista e seguindo uma sequência de situações trágicas para resolver o caso.

Tem horas que a gente nem consegue respirar de tanta tensão. Alguns momentos são um pouco traumatizantes com as descrições de cenas (pelo menos, eu achei. Sou fraca. HAHAHAHA).

De qualquer forma, foi muito interessante passar por essas horas, seguindo os personagens na busca implacável pela verdade.

Mesmo com sonhos esquisitos, valeu muito a pena e já tô com outro livro dele na lista! xD

Alguém aí já leu? Conta nos comentários.

Top 3 #HipsterFail

A primeira lista de 2016, humanos!! Quem estava ansioso por
ela levanta a mão!! (No caso, só eu aqui, animada, sacudindo a mão pra lá e pra
cá   o /o/).

Basicamente todo ano eu e a minha querida irmã vamos ao
shopping no dia 02 de janeiro, simplesmente porque é um dia em que o local está
vazio e dá aquela sensação estranha de exclusividade e “será que chegamos cedo
demais”. É uma tradição um pouco estranha, mas sempre nos divertimos. Só que hoje
a tradição teve uma reviravolta: o shopping estava cheio!

Ahhh, que isso, gente! Por que esses humanos estão invadindo
o nosso dia de shopping vazio? HAHAHHAHAHA.

Isso me deu uma ótima idéia para um Top 3. Livros que eu
achei que estava arrasando sendo hipster, mas já eram famosos e todo mundo
tinha lido e eu entrei no bonde andando e quis andar na janelinha.

01.  O Código Da Vinci – Dan Brown

Esse livro (ainda mais a versão ilustrada que eu li, ótima
opção já que eu não precisava pesquisar as obras citadas) que conta a
trajetória do Robert Langdon desvendando mistérios após a morte de Jacques
Saunière. Achei que tava mega prafrentex, li o livro, vi o filme e depois
descobri que tinha mais uns 87170301371 livros do mesmo personagem e eu comecei
a ler no meio da história…

02. John Green (qualquer
livro)

Comprei vários livros, li todos e me achei a “descobridora do
próximo sucesso”, até ver online que ele já era um autor consagrado, o primeiro
livro já estava quase completando 10 anos e um dos livros seria adaptado para o
cinema….

03. O senhor da chuva
– André Vianco

Mais um caso de “achei que eu tava lendo um novo autor”, mas
era só ignorância minha. Hahahahaha.

No fundo, essa lista é pra me zuar, mas fico muito feliz por
encontrar esses autores (ou receber indicações e “descobrir” toda a
bibliografia deles) porque gosto muito de ler coisas novas e conhecer gente boa!!
(Quem não gosta, né? =])

Espero que tenham gostado da lista!! 2016 chegou e não vejo
a hora de colocar em prática as idéias novas que tive pro Tumblr!!! ❤

Bom fim de semana e juízo, humanos!! Té mais! ^^