Título/Autora/Editora: If The Fates Allow, Rainbow Rowell. Amazon Original Stories

Avaliação: Preparando os estoques de máscara e álcool gel para a próxima reunião de família

Oie, pessoas!

Hoje a resenha é de um continho temático (que está um pouco fora de época, mas como eu não dalei dele antes, achei melhor seguir a premissa do “antes tarde do que nunca”). Fica aí um semi #tbt. xD

Precisava falar dessa história porque reúne alguns fatores que eu adoro: tramas com temas relacionados ao fim de ano, atuais, de deixar o coração quentinho e escritas por uma das minhas autoras favoritas da vida!. Tem como dar errado erra combinação? NÃO!

E, olha, não deu mesmo.

A história curtinha é ambientada no Natal de 2020 (com uma viagem para o futuro ao final). Envolve todo a questão pandêmica, pessoas isoladas e preocupadas (e aquelas que nao estão no mesmo nível de cuidado).

Nesse conto, temos Reagan, uma moça que está seguindo todos os protocolos de segurança, sem socialização, mas abre uma exceção para acompanhar o seu avô no Natal. Sua avó infelizmente se foi e Reagan não quer deixar o avô sozinho na data que costuma ser importante para a família.

Ela, inclusive, faz uma sobremesa tradicional das festas, mas o doce quase vai pelos ares (literalmente), quando o vizinho de seu avô e ex-colega de colégio, Mason, grita para que a garota tenha cuidado com a neve na entrada da casa.

Reagan escorrega e, ao se recompor, há uma interação/discussão que envolve uso de máscaras e distância.

Após a pequena intercorrência, ela encontra seu avô e os dois têm uma refeição calma, até porque nenhum dos dois tem o perfil falante. Aliás, na sua família, Reagan nunca seria a pessoa escolhida para acompanhar alguém ou dar conforto. É mais aquela que chamam para questões práticas e pontuais. No entanto, os dois conseguem aproveitar bem a janta.

Depois de comer e já passar um tempo vendo uns nadas na TV, ela decide tomar um ar e encontra, novamente, o vizinho do avô. Dessa vez, os dois têm uma interação menos “briguenta” e uma aproximação inesperada.

Agora vão lá ler senão eu acabo contado tudo! (Só para constar, a história está em inglês. É ótima para quem, como eu, adora treinar a língua com pequenos textos).

Vale a pena aproveitar esse conto fofo, com toques de álcool gel, muitas faces da realidade vivida na pandemia, as neuroses e tensões. A ansiedade com a saúde pessoal e daqueles que estão por porto, além do isolamento. Tudo isso embrulhado com fofura e momentos de deixar o coração quentinho. Do jeito que a maravilhosa Rainbow Rowell sabe muito bem escrever.

Quem ai já leu? Conta o que achou!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.