Aos perdidos. Sem rumo nenhum. Confusos.

Aqueles que acordam todos os dias pensando “Qual será a razão para eu estar perambulando nessa Terra?”

Indecisos, travados em frente a um caminho cheio de possibilidades, mas sem ter a menor ideia de qual seguir (ou qual o destino a rumar em direção).

Ansiosos, aqueles que pensam em todas as formas que podem falhar caso escolham uma ou outra opção. Não sabem se estão aqui para ajudar ou só atrapalhar.

Solitários, mesmo com tanta gente ao redor. Suas mentes corações podem sentir o eco do vazio mais vezes do que gostariam.

Assustados, com os vultos do fracasso e da decepção que parecem o único resultado de todas as suas atitudes. ( Spoiler: não é!)

Os peixes fora d’água. Aquela peça de Lego que parece nunca encaixar. Sentimento de inaptidão, bloqueio. Medo.

Parece que não vamos encontrar o propósito. Nossa razão de ser. Passaremos a vida como fantasmas de um potencial não atingido.

Spoiler 2: Isso é uma mentira.

Tem gente que nasce com o destino já ajeitado no Google Maps da alma. Outras pessoas ficam sem sinal, dados móveis ou Wi-fi. Precisam de mapas físicos ou indicações de direção.

Você pode saber o que quer aos 9 ou as 90. Não tem tempo certo (ainda que a nossa frente queira dizer que o nosso já passou).

Pode mudar de diz. Recalcular a rota. Recomeçar a qualquer momento.

Só porque a gente ainda não sabe o que quer, não significa que nunca descobrirá .

Aos “despropositados”: Estamos juntos na busca. Nos encontraremos na linha de chegada para celebrar a vitória. Então, sigamos a caminhada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.