Título/Autor: Halloween em Salem, Guilherme Buiati

Avaliação: Pendurando a decoração pra festa.

Tem gente que não curte muito histórias de terror e todas aquelas coisas tensas que são associadas ao Dia das Bruxas, né?

Eu, que não curto nenhum tipo de susto, procurei algo que contemplasse o tema, mas que não causasse pesadelos até o fim da vida. HAHAHAHA

Com isso, me deparei com esse conto super curtinho (sério, tem nem 50 páginas), que se passa no Halloween em uma cidade vizinha a Salem (aquela super famosa por causa das Bruxas)

Na trama, Grace, uma garota do Ensino Médio, não gosta do Halloween e fica muito feliz por sua escola ter um diretor rabugento que nunca deixa que o pessoal tenha uma festa.

Maaas, para a tristeza da garota, sua professora de História consegue convencer o “chefe” a decorar o colégio e fazer a comemoração da data.

Grace, que tinha tudo para ficar 1000% pistola com isso, acaba não se preocupando muito porque, com essa nova atividade, sua turma é dividida em duplas para ajudar na decoração e ela acaba junto à garota nova (que, por sinal, ela não conseguiu desgrudar os olhos desde que entrou na sala de aula).

Com poucas páginas, vemos a interação de Grace com o seu melhor amigo (que ficou chateado por não usar a sua ideia original de fantasia), o desenrolar da situação dela e da garota nova, além de um fato surpreendente que acontece bem na noite mais assombrada no ano.

Para que precisa de uma leitura ágil, essa é uma ótima indicação.

Alguém aí já leu? Conta o que achou nos comentários.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.