screenshot_20200224-155427_21717571305055256956.jpg

Título/Autor(a)/Editora: A princesa salva a si mesma neste livro, Amanda Lovelace/ Leya Brasil.

Avaliação: Olhando o dragão de frente e mandando para longe.

Oie, pessoas!Nunca fui muito de ler poesia. Sempre achei que fosse um tipo de escrita complicada e eu não entenderia o que a autora ou autor estava dizendo, logo, ia me sentir um pouco burra.

Aos poucos isso mudou. Ainda bem! Graças a isso eu consegui ler coisas maravilhosas que nem esse livro.O que mais me impressiona e me cativa é o fato de poder me encontrar em tantas linhas. Sofridas, que falam sobre mulheres, a vida, questões familiares.O sentimento de empatia é tão forte que, se pudesse, eu imprimiria metade das páginas para pendurar por aí. São textos tão reais, coisas que muitas pessoas precisam ler.

É de partir o coração acompanhar todo o processo da autora, a cada etapa, entre a perda de entres queridos, cedo demais. Aos abusos, de todos os tipos.Relacionamentos tóxicos, abusivos, que destroem pedacinhos da alma que depois precisam ser colados. (Mas que encontraram essa cola dentro das páginas de um livro maravilhoso).

Definitivamente, o livro é um relato da trajetória de sobrevivência de uma mulher à vida real. Aos perrengues, sufocos e tensões.

A leitura é rápida, mas dolorida. Em muitos momentos quis chorar, entendendo o sentimento ou só sendo empática. O livro mostra uma evolução linda da princesa que percebe que, no fim, ela mesma pode se salvar!Indico a leitura!

Depois digam o que acharam!Boa semana, gente!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.